VOCÊ ATUALIZADO SEMPRE!!!!

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

TJAM decreta prisão preventiva de 12 policiais envolvidos em grupo de extermínio

d24am.com

Manaus - O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) decretou, na última sexta-feira, as prisões preventivas de 12 dos 15 policiais militares e de outros dois homens presos preventivamente durante a operação Alcateia. O bando, como consta no documento disponível no site do TJAM, é suspeito de integrar um grupo de extermínio  envolvido na morte de 19 pessoas e de em tentativas de homicídio contra outras 13 vítimas.

Conforme o TJAM, entre os policiais que tiveram a prisão preventiva decretada estão Doraval Junio Cerneiro de Mato, Bruno Cezanne Pereira, Germano da Luz Júnior, Sílvio José Silva de Oliveira, George MacDonald Rodrigues de Oliveira, Rogério Pinheiro de Freitas, Rosemberg Martins Bezerra, Adson Souza de Oliveira, Charles dos Santos Faria, Magno Azevedo Mafra e Messias do Carmo Leite Júnior.

Consta na decisão, assinada pela juíza de Direito da 3ª Vara do Tribunal do Júri, Mirza Telma, que, diante dos argumentos da polícia, foi constatada a materialidade da infração e indícios de autoria dos envolvidos. “Assim como a evidência de afronta à ordem pública, outro caminho não há que a decretação da custódia cautelar, nos termos do Art. 312 do CPP”, diz um trecho do documento.

Conforme a Corregedoria da Secretaria de Segurança Pública, os outros policiais suspeitos dos mesmos crimes seguem detidos, apesar de não terem tido as prisões preventivas decretadas.


←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Total de visualizações