quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Crime de Altamira: Chiara foi mantida viva para servir de alibi para o irmão

janeiro 28, 2016

Com sete acusados presos, sendo um deles da família, as investigações sobre o assassinato dos empresários Luís Alves Pereira e Irma Buchinger Alves, e seu filho mais velho Ambrósio Buchinger Neto continuam e uma nova peça sobre o crime foi divulgada em coletiva de imprensa realizada na tarde desta quarta-feira (27), em Altamira, oeste do Pará.
O delegado Vinicius Dias, responsável pela investigação do caso, disse que Chiara Buchinger, filha do casal que saiu viva do triplo homicídio, não foi assassinada com o objetivo de Henrique Buchinger Alves, suspeito de envolvimento nas mortes, manter a irmã como álibi.
Na coletiva, foi esclarecido como foi a participação de cada um dos envolvidos no crime. Anderson Moraes e Aguinaldo Soares invadiram a residência, onde renderam Henrique por primeiro. Mateus de Oliveira Costa foi responsável por deixar os bandidos no local e pela fuga.
Estão presos ainda Renato Silva, Maykon Irlan Paiva de Souza e Francisco Denis Leite.
Mesmo negando que tenha participado da morte dos pais e do irmão,Henrique é acusado por um dos presos pelo homicídio. No dia do assassinato, ele ficou preso com a irmã dentro do banheiro, mas foi retirado pelos bandidos em um momento, quando viu a mãe morrer, em seguida voltou para o cômodo. Cinco acusados do crime estão em Altamira e dois em Belém, todos ficarão na capital paraense. Os que estão no município em que o crime ocorreu estariam sendo ameaçados de mortes por outros presidiários. As prisões realizadas até o momento são temporárias. (Dol)

Written by

We are Creative Blogger Theme Wavers which provides user friendly, effective and easy to use themes. Each support has free and providing HD support screen casting.

0 comentários:

Postar um comentário

 

© 2013 Blog Edson Júnior . All rights resevered. Designed by Templateism | Blogger Templates

Back To Top