VOCÊ ATUALIZADO SEMPRE!!!!

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Polícia aprendeu tarado em Flagrante no Rio Grande do Sul

Homem foi encontrado pela polícia em casa e foi preso em flagrante. Menina sumiu na tarde de segunda (8) e reapareceu na madrugada de terça.

Do G1 RS

Foi preso em flagrante na noite desta terça-feira (9) o homem de 41 anos suspeito de levar uma menina de cinco anos que brincava em uma rua de Capão da Canoa, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. O sequestro ocorreu na tarde de segunda-feira (8) e ela só foi reencontrada seis horas depois do sumiço, na madrugada de terça-feira.

Ele foi preso em sua casa, onde foi ocorreu o estupro. No local foi encontrado um celular com um vídeo de um homem mantendo relações sexuais com uma menina. A polícia acredita que seja a garota de 5 anos com o suspeito preso.

O aparelho também continha inúmeras imagens de crianças nuas, conforme a delegada Sabrina Deffente, responsável pela investigação. O aparelho vai agora passar por uma análise da perícia. "A partir disso não restou dúvidas nenhuma que era ele", observa Sabrina.

Menina vai realizar exames em Porto Alegre
Após ser reencontrada, a menina de 5 anos levada por um homem de bicicleta, agora vai passar por uma bateria de exames em Porto Alegre. Conforme a delegada Sabrina Deffente, responsável pelo caso, a menina apresenta "lesão corporal visível", com marcas de socos no rosto e ainda  tinha indícios de abuso sexual.

Ainda na madrugada, a criança foi levada para o Departamento Médico Legal (DML) de Osório para realização do exame de corpo de delito.

Já na quarta-feira (9), ela deve viajar para Porto Alegre, onde irá fazer uma série de exames no Centro de Referência no Atendimento Infanto-Juvenil (CRAI), do Hospital Materno-Infantil Presidente Vargas, onde será atendida por uma equipe multidisciplinar, entre eles psicólogos, enfermeiros e médicos. A menina será acompanhada de um integrante do Conselho Tutelar de Capão da Canoa, adianta a delegada.


←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Total de visualizações