Morre policial confundido com ladrão em Manaus

O soldado da Polícia Militar, André Luís Silva do Rosário, 33, que foi agredido no dia 20 após ser confundido com assaltante, morreu na noite desta terça-feira (29) no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, na Zona Leste de Manaus.
Segundo familiares do policial, ele estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI)  em coma induzido desde o dia da internação. O outro policial que estava com André e também foi agredido continua internado na unidade hospitalar.
O delegado do 27º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Márcio André, disse que, segundo a versão contada para a polícia, a esposa de André, que também é militar, teria sido assaltada e, por essa razão, os policiais teriam perseguido os homens apontados com autores do roubo até o local das agressões.
"Teria ocorrido um roubo momentos antes, tendo como vítima a mulher de um dos policiais militares. Posteriormente, os policiais teriam se dirigido, supostamente, ao local onde esses dois suspeitos teriam se evadido. Chegando nesse local, na abordagem, identificaram os dois suspeitos, sendo que ambos foram alvejados e, no meio de uma confusão, teriam apontado os dois policiais militares como assaltantes no intuito de tentar dissimular a captura e a prisão dos supostos autores do roubo praticado à mulher. Aí, os participantes de um evento de confraternização de torcidas organizadas teriam agredido esses dois policiais", relatou o delegado.
A defesa das torcidas nega a versão. De acordo com o advogado Mário Silva, os dois policiais militares teriam chegado ao local em uma moto preta, sem camisa e atirando, o que teria feito com que os torcedores acreditarem que se tratava de um assalto.
Conforme familiares do policial que preferiram não se identificar, ele ficou em coma induzido desde a internação devido ao estado de órgãos como pulmão e rins que ficaram bastante machucados com a agressão. Durante o período de internação, o soldado teve infecção e piora no quadro.
O outro policial que também foi agredido continua internado. Não há informações sobre o estado de saúde dele. O caso foi registrado no 27º DIP e segue em investigação.
A Polícia Militar divulgou uma nota de pesar pela morte do soldado, que era lotado no 1º Batalhão de Choque da Polícia Militar (BPChoq).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ITAITUBA//PA: NA TARDE DESTE DOMINGO GU CORPO DE BOMBEIRO ACHAM O JOVEM DESAPARECIDO EM RIO.

Homem e alvejado a tiros em Santarém